terça-feira, 27 de agosto de 2013

Icesp dá dicas para quem quer parar de fumar

Instituto desenvolve material explicativo sobre o câncer de pulmão na tentativa de ajudar os tabagistas a largar o cigarro

O Icesp (Instituto de Câncer do Estado de São Paulo) lançou uma cartilha sobre o câncer de pulmão, que é o tumor maligno que mais mata no mundo. Além de falar sobre causas, sintomas, diagnóstico e tratamento da doença, o material também dá orientações para quem deseja parar de fumar.

Segundo o instituto, 90% dos casos de câncer de pulmão estão associados ao tabagismo, sendo que quanto maior o número de cigarros consumidos por dia, e quanto mais tempo a pessoa fumou na vida, maior é o risco de desenvolver a enfermidade.

Os sintomas mais comuns são cansaço, fraqueza, perda de peso e perda de apetite. Quando a doença está mais avançada, o indivíduo apresenta tosse persistente, respiração curta e com chiados, perda de fôlego, escarro com sangue, rouquidão, dor no peito, piora dos chiados e, eventualmente, infecções pulmonares repetidas. O diagnóstico pode ser feito por meio da análise dos sintomas, exame clínico e testes complementares, como raio X, tomografia computadorizada e broncoscopia.

Dicas para quem pretende parar de fumar
• Escolha uma data para ser o primeiro dia sem cigarro. Se não conseguir, reduza a quantidade gradativamente;
• É normal sentir ansiedade, irritação, dor de cabeça, falta de concentração e muita vontade de fumar. Estes sintomas desaparecem em até duas semanas;
• Aumento da fome e do peso são comuns. Pratique atividades físicas e consuma líquidos, exceto café e álcool que podem ser um convite ao fumo;
• Retire os maços de cigarro dos locais onde você está habituado a guardá-los;
• Recompense seu esforço guardando o dinheiro que gastaria com cigarros;
• Tenha cuidado com métodos milagrosos para parar de fumar. Se tiver dificuldades peça orientação médica;
• Mesmo que você não tenha tido sucesso nas tentativas anteriores, não desista de tentar

Fonte: Do Portal do Governo do Estado
Postar um comentário