terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Unifesp oferece tratamento gratuito contra o tabagismo em SP


Centro de reabilitação já atendeu mais de 16 mil pessoas.
Atendimentos podem ser individuais ou em grupo.




Quem deseja parar de fumar e precisa de um incentivo, pode procurar tratamento gratuito no ambulatório da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), na Zona Sul da capital paulista. Para passar por uma avaliação inicial é preciso agendar uma consulta por telefone. (Confira contatos abaixo)
O centro de reabilitação PrevFumo é o primeiro do país a tratar o tabagismo. O tratamento dura, em média, de três a cinco meses. Mais de 16 mil pessoas já foram atendidas desde a fundação do centro de reabilitação, em 1990.
Os atendimentos são realizados em grupo ou individualmente por uma equipe formada por médicos, fisioterapeutas e psicólogos. Para participar do grupo não é necessário encaminhamento médico.
O paciente recebe uma avaliação médica e exames para indicação do tratamento e da medicação. Geralmente, o tratamento ocorre com remédios, para reposição de nicotina, associados com terapia.
Após a triagem, o paciente costuma esperar entre 10 e 15 dias para iniciar o atendimento. Inicialmente, as sessões, de 75 minutos, acontecem uma vez por semana, durante um mês.
De acordo com dados do Ministério da Saúde, 200 mil fumantes morrem por ano no Brasil. No país, há cerca de 25 milhões de fumantes. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de 5,6 milhões de pessoas  morrem por ano devido ao tabagismo. Entre as vítimas, 600 mil são fumantes passivos, que ficam expostos a fumaça do cigarro.
PrevFumo
Endereço: Rua dos Açores, 310, no Jardim Luzitânia.
Horários: Segunda à sexta-feira, das 8h às 16h.
Telefones: 5904-8046 ou 5904-8052.

Fonte: G1
Postar um comentário